Tele Trabalho – Conselhos para trabalhar melhor desde casa

24 Março 2020

Antes de começar o tema de hoje, esperamos que todos se encontrem bem e com saúde, dentro desta situação tão complexa pela qual estamos todos a atravessar e que desejamos que seja breve e com as menores repercursões na saúde e estabilidade de cada um de nós. Desde a Like My Web desejamos a todos o melhor e vamos tentar trazer-vos algumas ideias e formas para todos aqueles que estão a tentar reajustar-se às novas situações e medidas que todos temos que tomar neste momento. Enquanto isso, por favor, fiquemos em casa e protegemos o nosso maior bem e dos demais que é a saúde.

Hoje vamos falar de teletrabalho. Sabemos o quão complicado pode ser, nestas circunstâncias, adaptar-nos a uma nova realidade sem prévia organização e que vai exigir o nosso maior esforço.

TRABALHAR DESDE CASA, AGORA NÃO É UMA FERRAMENTA DE CONCILIAÇÃO, MAS SIM UM RECURSO DE SOBREVIVÊNCIA!

Entre usar os meios tecnológicos para estar atentos às notícias, falar em conferência com a família que agora se encontra virtualizada. Pais, mães e filhos que estabelecem um horário para partilhar por turnos, o único computador de casa (quando existe) e realizar as tarefas escolares. Os conflitos para a organização, entre cuidar da casa, cuidar dos nossos, trabalhar e controlar para que tudo seja uma nova rotina. São situações que estão a produzir neste dias alguma dificuldade para aqueles que não estavam, claramente, habituados a isto. Não acreditamos que alguém estivesse. É uma situação de emergência de alto esforço e trabalhar de forma massiva em remoto, pode ser no principio caótico. No entanto, é uma alternativa e não nos resta outra opção, por isso vamos tentar tirar o máximo partido das coisas que podemos fazer e manter o positivismo para tudo. É bom para o nosso sistema imunitário e também para a nossa mente. E a nossa economia.

Por norma, o teletrabalho exige uma preparação, formação de empregados e empreendedores, período de transição , adaptação de ferramentas. É um processo lento e gradual. Nos últimos dias tivemos que saltar todos estes passos. É muito natural que não nos saia bem, mas todos nós estamos a fazer um grande exercício de responsabilidade para tentar andar para a frente e proteger-nos a nós e à humanidade. 

Desde a Like My Web, queremos desejar muita força e agradecer o esforço que todos estão a fazer para um bem comum.

Como sabemos o complicado que pode ser toda esta organização, à continuação vamos dar umas pautas e conselhos, para que cada um, pouco a pouco, possa ter uma ideia de como se orientar neste processo.

ORGANIZAR O ESPAÇO

Com agenda, caderno, caneta…até com a garrafa de água junto ao computador, vamos usar todos os recursos que podemos para tornar o trabalho mais fluído com os meios que temos. Reservar um cantinho da casa para trabalhar é fundamental. Já sabemos que nem todos temos as casas que gostariamos nem os meios ideais para tal, mas é importante ter um lugar destinado a separar o trabalho da nossa vida quotidiana. Dentro do nosso melhor. Chegar a concensos familiares dos espaços e zonas comuns a todos onde passar tempo juntos, se é o vosso caso. O espaço é importante para aprendermos a concentrar-nos. Isto vale para todos os tipos de trabalho, inclusivé aqueles cujo trabalho é estar na rua visitando clientes ou em vários locais ao mesmo tempo. O importante é ter um espaço que nos possa reservar um tempo para concentrar-nos no nosso objectivo: seguir o nosso trabalho o melhor que possamos.

ESTABELECER UM HORÁRIO

Quando falamos num horário, pode não ser o mesmo que tinhamos anteriormente em outras circunstâncias. Todos sabemos que, na realidade, há trabalhos que exigem mais horas que outras. O importante é que o tempo que dediquemos ao trabalho seja produtivo e eficaz. Talvez até possamos organizar-nos melhor e sobrar tempo para outras coisas que devemos atender e ao nosso descanso que tanto lutamos por tentar equilibrar.

O mais importante é ter uma rotina, que nos obrigue a seguir umas regras, porque todo o ser humano precisa de uma rotina de trabalho para levar a cabo tarefas. E ajuda-nos a ter os nossos objectivos controlados. Se, além de mais, o nosso trabalho depende de outros e de equipas, devemos todos conciliar os tempos para que ninguém se sinta prejudicado com esta adaptação e se possa trabalhar com igual proporção. Há que ser flexíveis no que podemos ser e inflexíveis com a concentração que cada um de nós deve colocar.

Também devemos ser conscientes com os nossos tempos de pausa. Ao trabalhar desde casa é muito comum, pensarmos que podemos atender a mil coisas ao mesmo tempo, como atender um amigo no horário de trabalho, colocar uma máquina de roupa, atender os filhos (prioritário se é o caso, porque também eles devem cumprir os seus horários e rotinas), fazer mil pausas para café e comer à hora que apetecer. Não devemos! Há sim uma certa flexibilidade no estar em casa, mas isso não obriga a descontrolo e desorganização. Aconselhamos a que separemos as nossas tarefas entre urgentes e importantes e desta forma podemos ajustar a prioridade de cada uma delas.

PLANIFICAR E PRIORIZAR

Defina com o seu responsável, chefe ou consigo mesmo o que espera de cada dia de prestação de trabalho. Faça um esquema organizacional das suas tarefas e objetivos e que canais deve utilizar para a resolução de incidências e gestão de trabalho. Neste momento, esta tarefa pode ser a mais confusa e aquela que leva a mais complicações, porque é tudo inédito e dependemos de muitos e de muita coisa. Mas com calma, diálogo e negociação podemos todos organizar melhor as nossas funções. Há que estabelecer prioridades muito claras. Como diziamos antes, separemos o que é URGENTE de IMPORTANTE. E depois disso separemos aínda outra vez o que é Urgente e Importante ou só Urgente mas não importante e vice versa. Este é um exercício de altruismo que devemos levar em conta, desde nós e as nossas necessidades e as dos demais. Recordemos que todos estamos a fazer o melhor para nos organizarmos e que algumas pessoas podem ter mais dificuldades que outras. Portanto, sejamos pacientes e compreensivos e acima de tudo solidários em ajudar aqueles que estão com mais complicações. Para que tudo possa fluir melhor.

Recordemos que o nosso umbigo é uma cicatriz universal e não o centro do Universo!

COMUNICAÇÃO RESPONSÁVEL

É muito importante a comunicação em geral, neste mundo. Aquilo que nos permite como seres humanos manter-nos mais humanos. E, nestes momentos, que algumas das nossas liberdades foram privadas pelo bem maior que é necessário, vamos tentar ajustar os nossos meios para manter as nossas comunicações activas. Estamos no século XXI, por sorte, e a tecnologia foi a maior evolução deste século. Temos a sorte de quase todos termos algum dispositivo que nos mantem unidos com os outros e o mundo, meios e canais de contacto e seguimento. No que toca ao trabalho, vamos fazer uso destas ferramentas de forma disciplinada e não indiscriminada. Podemos marcar tempos para interagir com a família e com os companheiros de trabalho, fornecedores ou empresas e entidades que necessitamos. Recordemos que os horários dos outros também estão alterados e todos estamos a tentar recorrer às mesmas necessidades.

Por outro lado, vamos fazer um uso consciente e prático das nossas ferramentas. É importante manter-se informado, se é vital para a vossa realidade, mas é importante, também, sabermos mediar a informação. Se ver as notícias que é importante e estarmos informados é crucial, marquemos duas vezes por dia, por exemplo para lermos ou ouvirmos a informação, de outra forma pode-nos trazer um estado de ânimo muito pouco positivo, neste momento. Vamos fazer aquilo que podemos e deixemos os nossos maravilhosos e heróis profissionais de saúde a fazer o seu trabalho. Nós só temos que cumprir as directrizes que nos pedem e manter-nos a salvo. A nós e aos outros. E tentar conciliar esta situação.

PAUSAS PARA CAFÉS

Já falamos deste item antes, mas queremos remarcar. O tele trabalho exige outro tipo de atitude e de postura face ao ritmo e à disciplina. Mas é importante sabermos que não é o mesmo que trabalhar num escritório, nem nas nossas lojas ou actividades normais. Fazer pausas para um pouco de exercício ou caminhar pela casa ou respirar à janela ou à varanda por um momento é importante. Alimentar-nos de bons alimentos, frutas e algum snack mais saudável e não cairmos na tentação de passar o dia a trabalhar ao lado da despensa. Não fariamos isso numa situação normal e não devemos fazê-lo agora, menos aínda agora, que precisamos do nosso sistema forte e saudável. Pensemos no hoje, mas também no amanhã, porque haverá um amanhã e sairemos de tudo isto.

Tentar adoptar posturas adequadas, evitar trabalhar em sofás e mobiliário que não é adequado à nossa ergonomia, porque uma má postura pode influênciar muito no nosso estado de saúde e deixar cicatrizes a longo prazo. Podemos marcar a nossa hora para o café ou para almoçar, talvez até fazer um vídeo conferência e tomar um café com os colegas, como faziamos. Aproveitar esses 15/20 minutos para relaxar-nos a cabeça, rir e ver memes ou vídeos engraçados ou falar com um familiar de como lhe vai o dia ou as suas tarefas. Mil coisas.

Se gosta de música e não tem oportunidade de ouvi-la durante o trabalho e isso não o desconcentra, colocar uma música para trabalhar que seja motivadora, inspiradora e alegre, para estes tempos tão delicados. Ajuda ao nosso estado de espírito. Encontremos a nossa melhor maneira de encontrar potencial em nós, eficácia e eficiência. No final de tudo, podemos surpreender-nos com as melhorias que alcançamos e o que aprendemos de nós mesmos.

FICAR DE PIJAMA EM CASA – NÃO RECOMENDADO

Está claro que parece até ridiculo vestir-nos para passar do quarto à sala ou escritório, mas é imprescíndivel. Não digo que vamos usar o nosso fato de gala todos os dias. Mas uma rotina higiénica e de autoestima é essencial. Quando nos levantamos, não devemos ir diretos ao trabalho, isso é algo totalmente errado e não produtivo. Vamos levantar-nos com tempo, como normalmente, sabendo que não nos esperam filas enormes de trânsito e que o mundo lá fora está menos contaminado. Por muito que adoremos conduzir. Vamos fazer a nossa rotina de limpeza matinal e vestir-nos. Preparar um bom pequeno almoço ou café para aqueles que não precisam mais nada. Beber um copo de água pela manhã e todo o dia, porque a água é fundamental para todo o nosso sistema de saúde e ajuda a nossa cabeça e corpo a estar hidratados e frescos. Aparte, limpa todos os ácidos produzidos pela noite e bactérias não vitais. Água é vida, lembre-se de beber pelo menos 6 a 7 copos de água por dia. Se tem um pouco de limão, junte-lhe, melhor ainda. A vitamina C é crucial ao sistema imunitário.

Se tem uma varanda e o tempo permite ou uma janela e está sol, aproveita para obter esses raios de sol, essa vitamina D, que é tão importante para o organismo. Dá vida e começará o dia com muita energia e força para superar as adversidades.

NEGOCIAR COM A FAMÍLIA

Negociar e conciliar implica ser empático e ser justo. Não devemos impôr horários aos outros ou fazê-los viver debaixo das nossas necessidades, sujeitando todos às nossas preocupações e tarefas. É um período de adaptação e devemos manter o respeito e a compreensão no mais alto nível, há que ceder e negociar, não obrigar. Com um horário, uma informação acessível e diálogo todos podem ajudar-se às obrigações de cada um e atender melhor essas funções.

Recordemos que nós não estamos monotorizados a aprender coisas à lei da bala de um dia para o outro. Cada pessoa leva o seu tempo a adaptar-se e temos de ter calma e paciência. Tolerância e bom senso com os que nos rodeiam. Mais assertividade e liderança partilhada. Aproveitemos este tempo para melhorar áreas da nossa vida que nos permitem ver o melhor de nós mesmos. Com certeza que no futuro isso só nós pode fortalecer, porque ainda há muito caminho para andar.

Repartir as tarefas de casa e interajuda também é importante. Não aceitemos ficar com tudo às costas, nem deitemos às costas dos outros mais do que é necessário. Compreender que com filhos menores a situação pode não ser ótima na organização, mas que eles vivem noutras prioridades e educar é ter a sabedoria de compreender e ser capaz de distinguir uma situação da outra. E agir em conformidade com isso, sem nos exaltarmos, porque os demais não cumprem as nossas regras. Voltamos a sentar-nos e a dialogar, quantas vezes seja necessário até ajustarmos. Dizem que o ser humano leva 21 dias a mudar um hábito. Parece que é uma altura obrigatória para todos nós esse período. Mas também uma excelente oportunidade para mudarmos hábitos, que nunca tivemos tempo para parar e pensar em fazer nada por eles.

Nos próximos artigos e na nossa página da Like My Web e redes sociais, instagram e facebook vamos dar-vos várias ferramentas para vos ajudar nesta fase que estamos a passar. Com a nossa máxima solidariedade. Esperemos que estes pequenos conselhos vos sejam úteis.

Fiquem bem, fiquem com saúde e cuidem-se!

 

 

 

 

 

RECEBE A NOSSA NEWSLETTER
Estou de acordo que a minha informação pessoal seja transmitida a Like My Web através de MailChimp ( mais informações consulta a nossa política de privacidade )
Recebe as últimas novidades do mundo digital e informações úteis. Aprende a optimizar a tua página web, a melhor o conteúdo dos teus blogs, a saber monotorizar o teu site, a melhorar o tráfico de visualizações e muitas outras dicas de marketing digital. Subscreve já à nossa newsletter!
Não gostamos de SPAM. O teu email nunca será vendido ou partilhado com terceiros. Está 100% seguro connosco. Podes retirar a tua subscrição em qualquer momento.
Posted in
pexels-photo-872955

A nossa equipa

Fazer uma página web não é simplesmente criar um desenho bonito com conteúdo. Criar uma página exige as pessoas adequadas, com o conhecimento necessário para saber que o teu negócio depende do nosso trabalho. Por isso confia o teu trabalho na nossa equipa, isso é o que nos faz diferente dos outros. 

Conhece-nos!