fbpx Skip to content

A IMPORTÂNCIA DE TER UMA “LANDING PAGE”

09 Novembro 2018

No mundo digital fala-se muito de landing pages”, mas é um conceito que nem todas as pessoas têm claro o que é, nem como funciona. Como o próprio nome indica, uma “landing page” é uma página de aterragem. E o que é que isto quer dizer propriamente?

É a página escolhida pelo departamento de marketing ou estratégias digitais ou empreendedores de negócios online para ser aquela página online que abre quando um utilizador selecciona um determinado link ou url de um negócio. Bom, vamos traduzir isto em miúdos.

Quando entras num site que vês pela Internet, isso leva-te a uma página principal. Essa página não tem que ser necessariamente o “Inicio” ou “Home” do site. Pode ser uma página estrategicamente escolhida pela empresa mãe. Pode ser uma loja online, uma página de promoções, qualquer página que tenho definida como aquela que o usuário vê nada mais entrar no site. É portanto, em bom português: uma página de destino.

E afinal qual é a diferença entre uma “landing page” ou qualquer outra página do site?

Simples, essa página está preparada para fazer conversão. O que é isto da conversão? Significa que quando se desenha essa página e se coloca todo o conteúdo tem de estar muito bem estudado para fazer com que um usuário se transforme em alguma coisa, como por exemplo: se transforme num cliente, num usuário que visita a página regularmente (como o caso dos blogues ou páginas de conteúdo ou forums) ou como comprador no caso de uma loja online.

Mais ou menos poderíamos comparar o que é uma “landing page” online com uma montra de uma loja. Afinal para que servem? Para informarem o usuário qual é a informação principal do seu negocio ou site. Dar conteúdo pertinente para colmatar as necessidades de esse usuário. E como uma montra dar a conhecer os elementos principais que podem oferecer essa página, para que o usuário queira investigar o interior e permanecer na página ou concluir alguma ação, como comprar, subscrever uma newsletter, pedir informações pelo formulário. Isso já depende de qual o objectivo que colocamos para essa conversão.

E isto é desde o ponto de vista do usuário, todo aquele que procura nos motores de pesquisa, como Google, Bing, Yahoo, etc. Informação que quer conhecer ou usar para um determinado fim.

Mas, desde o ponto de vista de quem quer ter uma página web, qual é a importância de ter uma boa “landing page” e saber escolher qual é a mais adequada?

Aqui está uma coisa que levamos muito a sério em Like My Web. Muitos programadores, pessoas do marketing, web designers, dizem que não é um bicho de sete cabeças, que hoje em dia podes ter uma landing page com qualquer um e até programas que fazem páginas gratuitamente com modelos. Nós não pensamos assim. Nem poderíamos. Porque é como se uma pessoa que têm uma loja, achasse que colocar na montra uma série de elementos que vende, aleatoriamente, já seria o suficiente para destacar o seu negócio. Pois, tal como preparar montras é um trabalho que exige uma determinado conhecimento muito específico e é inclusive uma profissão concreta, cujas empresas que têm capital podem contratar profissionais de essa área, outras, utilizam pessoas de outros departamentos para ajudar nessa elaboração porque até têm um sentido de estética mais ou menos interessante. Para não contratar um profissional especializado.

O resultado: há montras e montras. Há negócios e negócios. Há resultados e resultados. E há “landing pages” e “landing pages”.

Acreditamos que uma página de destino é o segredo do negócio. São tantos os detalhes a ter em conta e tantos os que passam desapercebidos, que muitas vezes equipas de profissionais inteiras, descuidam estes detalhes. Há aspectos que devem ser considerados na elaboração de um site que vão muito além do desenho, conteúdo, de onde por os títulos, os copyrights, as imagens ou vídeos ou número de formulários que se deve ter, locais da web onde colocar o anúncio, palavra chave de SEO o campanhas elaboradas de SEM.

Há que ter em conta a qualidade da página, a fiabilidade da página, a importância da página, o reflexo da ideia de essa página, entre outros detalhes muito específicos de marketing, que fazem com que algumas páginas bem elaboradas, estão nos primeiros resultados orgânicos (SEO) de um motor de pesquisa e outros nem aparecem.

Assim que, se vais pagar para fazer uma página web, lembra-te que deves escolher bons profissionais, preparados, com o conhecimento necessário para que a tua “landing page” fale por ti, mas mais que isso, seja o motor do teu negócio e chega aos objectivos que queres conseguir.

De outra forma, não faz sentido ter um site.

Esperamos que este artigo te tenha sido útil e se tens dúvidas sobre este tema ou qualquer outro, não hesites em contactar-nos.

Equipa de Like My Web

RECEBE A NOSSA NEWSLETTER
Estou de acordo que a minha informação pessoal seja transmitida a Like My Web através de MailChimp ( mais informações consulta a nossa política de privacidade )
Recebe as últimas novidades do mundo digital e informações úteis. Aprende a optimizar a tua página web, a melhor o conteúdo dos teus blogs, a saber monotorizar o teu site, a melhorar o tráfico de visualizações e muitas outras dicas de marketing digital. Subscreve já à nossa newsletter!
Não gostamos de SPAM. O teu email nunca será vendido ou partilhado com terceiros. Está 100% seguro connosco. Podes retirar a tua subscrição em qualquer momento.
pexels-photo-872955

A nossa equipa

Fazer uma página web não é simplesmente criar um desenho bonito com conteúdo. Criar uma página exige as pessoas adequadas, com o conhecimento necessário para saber que o teu negócio depende do nosso trabalho. Por isso confia o teu trabalho na nossa equipa, isso é o que nos faz diferente dos outros. 

Conhece-nos!